Espaço cultural na Tijuca celebra Dia da Consciência Negra nesta quinta (25)

Entrada será franca e com capacidade limitada a 35 lugares

Espaço cultural na Tijuca celebra Dia da Consciência Negra nesta quinta (25)

No dia 25/11, às 10h30, os professores Cândida Amorim, Jonatha Gomes, Rodrigo Leão e alunos da Companhia de Artes Inclusiva do Espaço Cultural Tocando em Você (Rua Gal. Roca, 362 – Tijuca) fazem apresentação artística em homenagem ao Dia da Consciência Negra. Entrada franca com capacidade limitada a 35 lugares.

A ideia é homenagear os antepassados e fazer um diagnóstico do número de afrodescendentes que trabalham no ECTV. O grupo foi surpreendido com o resultado alcançado: 29 trabalhadores entre funcionários, terapeutas e professores. Cada um deles escreveu a sua biografia que será exibida em formato de exposição. "Nós fomos corajosos trazendo as dores que os nossos antepassados vivenciaram para que hoje alcançássemos a liberdade e o acesso à cultura. Nós descobrimos que a maioria veio de família com pais subempregados e, alguns, sem o Ensino Fundamental concluído. A partir da história de cada um partimos para o empoderamento coletivo", conta Cândida Amorim. A professora prossegue dizendo que o resultado do trabalho foi muito satisfatório, já que todos passaram a demonstrar orgulho de si mesmos e dos seus antepassados.

Além da expo-diagnósticos, alunos do Centro de Terapias Integradas à Arte do Tocando em Você também vão expor os seus trabalhos. A dança afro, com os professores Jonatha Gomes e Rodrigo Leão reserva surpresas. E Lucimar Dias da Silva, mais conhecida como Morzão no meio do samba carioca, que há nove anos trabalha com confecção de turbantes, vai "fazer as cabeças" das modelos para um desfile de moda afro. "Cada cabeça é uma amarração, uma criatividade que nasce na hora", diz Morzão.

A iniciativa é do Centro de Terapias Integradas à Arte e do Núcleo Afro Tocando em Você.