Petshop denuncia dona de Shitzu por maus tratos na Tijuca

Caso foi registrado na 19ªDP (Tijuca) e cãozinho passa por cuidados

Petshop denuncia dona de Shitzu por maus tratos na Tijuca

O que seria uma simples história envolvendo cliente e petshop virou, literalmente, um caso de polícia. A proprietária do petshop Latidos e Miados, que fica na Conde do Bonfim, denunciou a proprietária de um Shitzu na 19ªDP (Tijuca) por maus tratos. A "dona" do animal tentou levar o Shitzu para um banho. E o que se viu foi um cãozinho com a orelha tomada por bichos e pus.

"A tutora nunca foi a nenhuma consulta, sempre usou o serviço de taxi dog indicado pelo Petshop. Aí, ela tentou marcar uma consulta no nosso veterinário. Informamos que estávamos fazendo uma pequena obra e indicamos ela ir em outro consultório. Mas ela não foi. No dia seguinte, nos enviou para um banho. Quando vimos, a ferida estava enorme, bichos caindo pelo chão, animal aparentemente cego e fraco, fedendo muito a pus", relatou Adriana Souza, da Latidos e Miados.

Segundo Adriana, a "tutora" sempre evitava ir na loja.

"A primeira consulta foi em julho, ela não foi alegando trabalhar fora e na ocasião abríamos de segunda a segunda. Depois, dizia que não tinha verba. Ela sabia que se fosse flagrada poderia ter problemas".

Adriana tem recebido ajuda de outras pessoas e teve apoio na delegacia.

"No mesmo momento os policiais se prontificaram a ajudar o cãozinho e me deram tutela antecipada. Achei viável internar o pet, pois medicamentos injetáveis e intravenosos fazem efeito mais rápido e são mais eficazes. Ele teria alta na segunda, mas eu preferi tirá-lo quando não estiver mais necessitando de curativos para ele poder ir 100% para a nova tutora. Essa nova tutora ficará com ele até a decisão judicial final".