Pacientes reclamam de falta de medicamentos em clínica da família no Estácio

O omeprazol, por exemplo, estaria há três meses em falta na unidade

Pacientes reclamam de falta de medicamentos em clínica da família no Estácio

Pacientes da Clínica da Família Medalhista Olímpico Ricardo Lucarelli Souza, no Est√°cio, reclamam da Prefeitura pela falta de medicamentos. Na unidade, que fica na Rua Frei Caneca, algumas medica√ß√Ķes b√°sicas n√£o est√£o sendo distribuídas, deixando quem precisa na m√£o.

"Tenho tido problema de medica√ß√£o constantemente. Todo m√™s falta, pelo menos, dois tipos de remédios que uso: o Anlodipino e Omeprazol. H√° pelo menos tr√™s meses que vou tentar buscar e nada", questiona o aposentado Helio Balsa.

Segundo o aposentado, outros pacientes sofrem com a falta de medicamentos na clínica.

Provavelmente, os idosos como eu que precisam de remédios constantemente saem de m√£os abanando. Normalmente quando vou buscar sempre vejo a farm√°cia vazia.

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio informa, em nota, que o medicamento anlodipino foi entregue pelo fornecedor no final de maio e o abastecimento das unidades de saúde segue conforme cronograma de entrega da logística. Quanto ao omeprazol, o medicamento est√° em processo de compra.