Falsos entregadores de comida aterrorizam moradores no Grajaú

Relatos nas redes sociais apontam rotina de criminosos se passando por motoboys

Ação de falso entregador no Grajaú, em abril. Ações estão sendo constantes

Ação de falso entregador no Grajaú, em abril. Ações estão sendo constantes

Moradores do Grajaú est√£o em p√Ęnico. E desta vez o perigo vem de falsos entregadores de comida de aplicativo. Pelo menos um motoqueiro, com mochila destes aplicativos, circula pelas ruas do bairro, como se fossem fazer entregas, abordam pedestres e praticam assaltos. Nas redes sociais, relatos de quem foi ou quase foi vítima.

"N√£o sei se é o mesmo indivíduo, mas ocorreu um assalto na rua Botucatu neste mesmo estilo. Era um entregador do Ifood. Ia e voltava a todo instante até encontrar com uma moradora esperando um Uber na porta do prédio onde ela mora", disse outro morador.

E o perigo n√£o est√° só na rua.

"Gente a coisa t√° braba mesmo! Ontem (foi no último dia 02 de maio) por volta das 19h30, um morador autorizou um entregador do Ifood a subir. Após a entrega do seu pedido, o morador ouviu barulho estranho no seu andar e comunicou à portaria. O entregador portava uma tesoura no t√™nis e cortou a mangueira do extintor de inc√™ndio para roubar o que tinha interesse. Pelo circuito interno, ele foi flagrado colocando o produto do roubo na mochila", alertou outra moradora.


Crimes cometidos por falsos entregadores tem sido relatados em outros bairros. No último dia 02 de junho, uma idosa sofreu tentativa de assalto na Tijuca, conforme noticiamos. Em abril, outra tentativa de assalto, desta vez no Grajaú, envolvendo esse tipo de crime. No caso, a vítima reagiu e botou o falso entregador para correr.

O comando do 6¬ļBPM (Tijuca) informou que realiza rondas diariamente na inten√ß√£o de coibir esse tipo de crime. E pede para que vítimas fa√ßam registro de ocorr√™ncia para que se possa fazer o mapa da mancha criminal.