Outra árvore ameaça destruir muro residencial na Usina

Morador questiona que há três gestões municipais tenta resolver problema

Outra árvore ameaça destruir muro residencial na Usina

A Rua São Miguel, na Usina, parece ser um "celeiro de problemas" com árvores. Depois de nossa reportagem denunciar que raízes de uma delas estava invadindo a casa de um morador, outra árvore tem causado problemas, desta vez na altura do número 768.

"Tem uma amendoeira na minha "calçada". Já fiz vários pedidos na Prefeitura, desde o primeiro mandato do (Eduardo) Paes, Crivella e de novo Paes. A calçada está toda quebrada. Já consertei três vezes (não conserto mais). O pior é que a árvore está tomada de hera de passarinho. Tomou conta da palmeira que eu tenho em casa", lamenta José Augusto, dono da casa atingida pela amendoeira.

Ele afirma que a Light até esteve no local, mas não resolveu o problema.

"A Light esteve aqui sábado passado. Fez poda de alguns galhos e não resolveu. E o pior, me deixou sem energia das 11h até às 20hs".

Procuramos a Comlurb que, em nota, informa que será feita vistoria por engenheiro florestal/agrônomo na árvore na Rua São Miguel, na altura do número 768, na Usina. O manejo a ser programado vai depender do que for constatado pelo profissional em laudo técnico emitido por ele.

Estamos aguardando o posicionamento da Light.