No aniversário da praça Saens Peña, chafariz ainda permanece desligado

Sem funcionar desde 2017, obra estaria faltando bicos de saída de água e revisão do sistema elétrico

Foto: Leonardo Pimenta

Foto: Leonardo Pimenta

No aniversário da praça Saens Peña, um dos seus principais símbolos da região não está funcionando. O chafariz localizado na praça está desde 2017 desligado. Em maio de 2020, o portal Grande Tijuca noticiou o início das obras, na gestão do superintendente da região na época, Hugo Leal.

"No meio do ano de 2019, juntamente com o Shopping 45, conseguimos angariar o material necessário para o retorno do funcionamento do chafariz. Ao todo foram investidos R$ 15 mil em material, que grande parte foi doado pelo shopping. Entramos com a mão de obra, a relação do material foi feita pela coordenadoria de monumentos da Secretaria Municipal de Conservação e começamos os reparos no quadro de energia para testar as bombas. O chafariz funciona com três bombas e era necessário o reparo na parte elétrica para que fosse colocado para funcionar novamente", afirmou Hugo.

Segundo o antigo gestor da Grande Tijuca, faltava apenas birros (bicos) de saída de água, que ele não conseguiu concluir na gestão, encerrada no final de 2020.

"Com isso concluído, só precisávamos comprar os birros da saída de água. Mas com o fim da gestão, não consegui resolver esse detalhe. Realmente não entendo porque ainda não está funcionando, já que a parte mais difícil do processo já havia sido concluída. Inclusive reatar o contrato com a Light para o fornecimento de energia necessário. Passei todas essas informações para a nova gestão, já que minha prioridade sempre foi devolver ao povo tijucano sua identidade", concluiu.

Segundo o atual gestor da região da Grande Tijuca, o subprefeito Wagner Coe questionou leal.

"Faltam 690 bicos, não são só "uns bicos", fora toda revisão de um sistema parado há anos. Isto está em andamento, mas é muuuuito mais caro que está falsa informação da gestão que ficou com esse equipamento tão precioso parado", rebateu Coe.

Segundo o subprefeito, o chafariz em breve estará funcionando.