Inseminação artificial ou fertilização in vitro: qual a mais indicada para você

Especialista aponta os caminhos para sua gravidez

Inseminação artificial ou fertilização in vitro: qual a mais indicada para você
Dados mais recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estat√≠stica (IBGE) apontam mais de 36 mil nascimentos anuais por meio de tratamentos de fertiliza√ß√£o. Somente no Brasil foram feitas cerca de 40 mil fertiliza√ß√Ķes in vitro em 2017. Segundo o IBGE, mais de 10 mil crian√ßas s√£o geradas por tratamento de reprodu√ß√£o assistida por ano, no pa√≠s. Hoje, h√° cerca de 166 servi√ßos de reprodu√ß√£o assistida cadastrados na Anvisa, que fazem o trabalho de coleta de óvulos, insemina√ß√£o do espermatozoide no óvulo e transfer√™ncia do embri√£o para o √ļtero.

Segundo a ginecologista e obstetra, Dra. Karina Tafner, especialista em endocrinologia ginecológica, as taxas de sucesso dependem de v√°rios fatores como morfologia uterina, integridade endometrial, resposta ao est√≠mulo ovariano, qualidade do s√™men, idade do homem, reserva ovariana, qualidade do embri√£o, laboratório utilizado, a causa da infertilidade e, o mais importante, a idade da mulher.
O crescimento pela procura do tratamento, segundo a Rede Mater Dei de Sa√ļde, est√° relacionado a quest√Ķes sociais ou problemas de infertilidade. "Outro fator que tem se tornado comum s√£o os casais homossexuais que sonham com filhos e recorrem ao tratamento. H√° também casais que querem resguardar os gametas previamente a um tratamento oncológico, o chamado oncofertilidade e os que recorrem ao √ļtero de substitui√ß√£o (popularmente conhecido como barriga de aluguel)", acrescenta Karina Tafner.
Abaixo, a especialista aponta as características de ambos os procedimentos:
Inseminação artificial ou intrauterina (IIU)
Chamada de tratamento de baixa complexidade, engloba o coito programado e a IIU, visando aumentar a chance de gesta√ß√£o através da fecunda√ß√£o dentro do organismo feminino. A IIU pode ser indicada em mulheres anovuladoras, quando h√° fator masculino leve, dist√ļrbios de ere√ß√£o ou ejacula√ß√£o, endometriose leve, uso de s√™men de doador ou s√™men congelado anteriormente e quando n√£o se sabe a causa da infertilidade do casal, após pesquisa adequada. "Tanto no coito programado quanto na IIU, os passos iniciais s√£o os mesmos, come√ßando pelos tratamentos com a estimula√ß√£o ovariana".
- Estimula√ß√£o ovariana: Promove a ovula√ß√£o em pacientes com altera√ß√£o da mesma ou promove o desenvolvimento de m√ļltiplos óvulos em pacientes com ovula√ß√£o normal. As medica√ß√Ķes podem ser administradas via oral ou subcut√Ęnea. O per√≠odo de uso da medica√ß√£o para est√≠mulo ovariano e crescimento folicular (o fol√≠culo consiste em camadas de células que cont√™m o óvulo) varia, em média, de 8 a 12 dias.
Durante o per√≠odo de est√≠mulo ovariano, a paciente deve realizar ultrassons transvaginais seriados, a fim de acompanhar e avaliar o tamanho dos fol√≠culos em crescimento. Quando esses fol√≠culos atingem o tamanho ideal para a ovula√ß√£o, é administrada nova medica√ß√£o que leva à ruptura folicular e consequente ovula√ß√£o.
"Até essa etapa, ambos os tratamentos de baixa complexidade s√£o semelhantes. No coito programado, o casal é orientado a ter rela√ß√Ķes sexuais em casa nos dias seguintes. J√° na IIU, de 36 a 40 horas após a administra√ß√£o da medica√ß√£o para ruptura folicular", frisa Karina Tafner.
- Insemina√ß√£o: O s√™men é coletado (por masturba√ß√£o) e processado em laboratório especializado. Em posi√ß√£o ginecológica, a paciente recebe o s√™men, introduzido dentro do √ļtero através de um cateter que passa pelo colo uterino.
- Pós procedimento: Após a IIU, a paciente permanece em repouso por cerca de 20 minutos na sala. Depois, é liberada para retomar suas atividades di√°rias, sem restri√ß√Ķes.
- Taxas de sucesso: Por ser um tratamento mais simples, há menores taxas de gestação, variando em torno de 10 a 20%.
- Riscos: Os riscos da IIU são praticamente inexistentes. Os maiores são de gestação gemelar (gêmeos).
- Custo: Inseminação Рde R$ 1,5 mil a R$ 3 mil
Tratamento que inclui consultas, recolhimento e tratamento do esperma e inser√ß√£o no √ļtero – de R$ 500 a R$ 2 mil
Hormônios injet√°veis – R$ 1 mil
Fertilização in vitro (FIV)

A FIV é um tratamento de alta complexidade, em que a fecunda√ß√£o, ou seja, a forma√ß√£o do embri√£o, ocorre no laboratório de reprodu√ß√£o assistida, fora do organismo feminino. "A FIV é o √ļnico tratamento que pode ser realizado quando h√° um fator masculino grave ou obstru√ß√£o das trompas. É indicado após falha de tratamento de baixa complexidade, quando o tratamento ser√° realizado com óvulos doados, √ļtero de substitui√ß√£o, casais sorodiscordantes, endometriose grave, baixa reserva ovariana e para gestar com oócitos congelados previamente", diz a especialista. A etapa inicial da FIV também consiste em est√≠mulo ovariano, para a produ√ß√£o de um maior n√ļmero de óvulos a serem manipulados.
- Est√≠mulo ovariano: Tem dura√ß√£o semelhante ao est√≠mulo dos tratamentos de baixa complexidade. "Porém, quando os fol√≠culos atingem o tamanho desejado, a paciente n√£o sofre a ruptura folicular. É agendada a aspira√ß√£o folicular para a captura do óvulo".
- Aspira√ß√£o folicular: Ocorre em centro cir√ļrgico, sob seda√ß√£o. Os óvulos s√£o aspirados por agulhas espec√≠ficas, ligadas ao transdutor do ultrassom transvaginal. A agulha penetra nos ov√°rios e nos fol√≠culos, aspirando todo o conte√ļdo folicular. Este é encaminhado imediatamente para o laboratório de FIV (que costuma ser anexo ao centro cir√ļrgico). O procedimento dura cerca de 20 minutos. No mesmo momento, os espermatozoides s√£o colhidos (por masturba√ß√£o) e também encaminhados ao laboratório.
- Fertiliza√ß√£o: O encontro dos óvulos com os espermatozoides acontece no laboratório, e o embri√£o tem seu desenvolvimento acompanhado por 3 a 5 dias.
- Transfer√™ncia do embri√£o para dentro do √ļtero: É feita através de um cateter que é inserido pelo colo do √ļtero, com a mulher em posi√ß√£o ginecológica, após 3 ou 5 dias da retirada dos óvulos.
O n√ļmero de embri√Ķes transferidos varia com a idade da mulher: até 35 anos (2 embri√Ķes), de 36 a 39 anos (3 embri√Ķes) e mais de 40 anos (4 embri√Ķes).
- Pós procedimento: Após a pun√ß√£o ovariana e a transfer√™ncia de embri√Ķes, a paciente dever√° permanecer em repouso por 24 horas.
- Taxas de sucesso: As taxas variam em cerca de 50% nas mulheres com menos de 35 anos até menos de 10% em mulheres com 44 anos. Após essa idade, a taxa cai drasticamente.
- Riscos: Os maiores riscos na FIV s√£o a s√≠ndrome de Hiperest√≠mulo Ovariano, sangramento durante a pun√ß√£o ovariana, infec√ß√£o (cerca de 0.1-3%), les√£o de estruturas pélvicas, dor pélvica e abdominal leve à moderada. Existe um pequeno risco (1%) de gravidez ectópica (tub√°ria).
- Custo: A FIV possui maiores taxas de gesta√ß√£o, mas, em contrapartida, os custos também s√£o maiores por ser um tratamento de alta complexidade.
Fertilização in vitro clássica Рde R$ 10,5 mil a R$ 14 mil
Tratamento que inclui consultas, exames, fertiliza√ß√£o e inser√ß√£o no √ļtero – de R$ 7 mil a R$ 9 mil
Hormônios e medicamentos – de R$ 3 mil a R$ 5 mil
Fertilização in vitro com inserção de esperma Рde R$ 11,3 mil a R$ 16,5 mil
É o valor da fertiliza√ß√£o in vitro cl√°ssica, mais o procedimento de inje√ß√£o do espermatozoide dentro do óvulo, que custa entre R$ 800 a R$ 2,5 mil
Fertilização in vitro simplificada Рaproximadamente R$ 5 mil
Tratamento que inclui consultas, exames, fertiliza√ß√£o e inser√ß√£o no √ļtero – R$ 3,5 mil.
Hormônios e medicamentos – R$ 1,5 mil
Segundo Karina Tafner, em ambos os casos, os possíveis efeitos colaterais do estímulo ovariano são:
? Cefaleia
? Irritabilidade
? Aumento da libido
? Hematomas e dor no local da injeção
? N√°useas e, ocasionalmente, vômitos
? Rea√ß√Ķes alérgicas tempor√°rias no local da inje√ß√£o (vermelhid√£o e/ou coceira)
? Mastalgia (dor mam√°ria)
O teste de gravidez deve ser realizado após 12 dias da transfer√™ncia do embri√£o na FIV e 14 dias na IIU. Assim que a mulher engravida, a gesta√ß√£o evolui como qualquer outra, independentemente da forma como foi realizada. E a taxa de aborto espont√Ęneo após a fertiliza√ß√£o in vitro é semelhante à taxa após a concep√ß√£o natural.

"Vale lembrar que todos os casais com indica√ß√£o de IIU podem optar por realizar FIV, devido às maiores taxas de gesta√ß√£o alcan√ßadas com esse procedimento. No entanto, os casais com indica√ß√£o espec√≠fica de FIV n√£o t√™m outra op√ß√£o de tratamento", finaliza Karina Tafner.